Você está aqui
Home > Outras categorias > Endurance: 500 Km de São Paulo homenageia Chico Landi

Endurance: 500 Km de São Paulo homenageia Chico Landi

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O autódromo Velo Città, em Mogi Guaçu (SP), recebe entre os dias quatro e seis de setembro a 31ª edição dos 500Km de São Paulo, uma das mais tradicionais provas de longa duração do automobilismo brasileiro e que passa a integrar o calendário da Copa Brasil de Endurance. O Automóvel Clube Paulista através do seu presidente, Silvio Zambello, homenageará um dos nomes mais representativo do automobilismo brasileiro e mundial: Chico Landi nomeará a prova, segunda etapa da Copa Brasil de Endurance.

No momento, entre os 21 carros confirmados para a edição deste ano da principal prova de resistência do automobilismo paulista estão o campeão de 2013, Alexandre Finardi, que fará dupla com Nelson Silva no protótipo Moro MRX equipado com motor V6 Nissan com 350 cavalos, preparado pela Kia Power Racing Team. O protótipo MR18/Audi turbo e o BMW motor V8 também já é aguardado no Vello Cità com os pilotos Jorge Machado e Rui Celso Machado, competidores do Campeonato Gaúcho de Endurance.

A presença de representantes do Rio Grande do Sul e do Paraná, aliás, será maciça, uma vez que algumas das equipes destes estados estão na disputa do torneio nacional, que terá seu encerramento com a realização das 500 Milhas de Londrina, em novembro. E é justamente da cidade do interior paranaense que virão cinco protótipos Spyder, através da equipe liderada por Leandro Totti, atual campeão da Fórmula Truck. A lista do dez pilotos da equipe, apelidada de “turma do Totti”, será divulgada em breve.

Outro destaque deste ano dos 500Km de São Paulo será a Ferrari F430 da dupla Fábio Greco e gaúcho Renato Cattalini que venceu a primeira etapa da Copa Brasil, realizada em julho, em Guaporé (RS). “Vamos atrás do título do Brasileiro de Endurance deste ano. Estamos bem preparados para os 500Km e já determinados para a última etapa em Londrina”, diz Fábio Greco que usa o número 23 em homenagem à histórica equipe Jolly Gancia, Alfa onde corriam Piero Gancia e Emílio Zambello, pai do promotor dos 500Km de São Paulo, Silvio Zambello.

O grid dos 500Km de São Paulo contará com Ferrari, BMW e protótipos diversos com caraterísticas técnicas diferentes com motores de 200 até 700 cavalos. Entre eles, podem ser citados o Maverick 1978 com motor V8 de cinco litros com 440 cavalos e câmbio sequencial de cinco marchas. O Mitsubishi Lancer Evo 10 dos pilotos Leandro de Almeida e a BMW 3 da Eurobike de Henry Visconde, enquanto Ney Faustini, mais uma vez, correrá ao lado de seu filho com um Vectra Stock Car.

Além da corrida de 500Km, o evento mais uma vez contará com diversas atrações, como as baterias dos campeonatos que integram o Campeonato Paulista de Automobilismo: Classic Cup e Fórmula 1.600. O torneio de Flying Lap também acontecerá, além da terceira edição do Encontro de Campeões, que reunirá alguns dos principais nomes do esporte a motor brasileiro.

“É muito bom ter uma prova tão tradicional como os 500Km de São Paulo de volta às competições nacionais. Depois de realizarmos um evento de muito sucesso em 2014, nossa obrigação é de fazer mais uma grande corrida neste ano. Nossa expectativa é de um grid superior em relação ao ano passado”, comenta Silvio Zambello.

Deixe uma resposta

Top