Você está aqui
Home > F-Truck > F-Truck: Caminhões carregam quase 400 kg de líquidos

F-Truck: Caminhões carregam quase 400 kg de líquidos

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Numa comparação com os carros, tudo é grande nos caminhões. Nos brutos que disputam as dez etapas da Fórmula Truck os números também surpreendem. Um dos pontos que chamam a atenção é o da quantidade de líquidos usada nas seis marcas que disputam a mais popular categoria do automobilismo da América do Sul: Mercedes-Benz, MAN Latin América (Volkswagen Constellation), Ford, Iveco, Scania e Volvo.

Como alguns números variam um pouco a referência será o caminhão Mercedes-Benz de Wellington Cirino, sétimo colocado no Campeonato Brasileiro, e de Paulo Salustiano, o vice-líder, que no começo do próximo mês desembarca em Santa Cruz do Sul para a sexta etapa da temporada, marcada para dia 9 de agosto na cidade do interior gaúcho.

Para funcionar bem e atender o regulamento da Fórmula Truck, o Mercedes-Benz tem peso que em média chega a 4.800 kg com todos os líquidos e no final da prova tem de ter, no mínimo, 4,5 toneladas incluindo o piloto, que faz a pesagem antes com todos os equipamentos de segurança pessoal. Aí é que entra o fato que chama a atenção, pois o caminhão dos dois pilotos carrega 397,945 kg somente de líquidos.

Para mostrar o tamanho e peso do que eles carregam somente no motor são 40 litros de óleo. Só como referência, um carro médio utiliza entre 3,5 e 4,5 litros no propulsor. O câmbio dos Mercedes-Benz tem 16 litros, o diferencial mais 12 litros, a direção hidráulica cinco e o reservatório de óleo de freio meio litro.

Como todos os caminhões da Fórmula Truck têm de carregar, no máximo 150 litros de óleo diesel, que tem um peso menor do que os óleos lubrificantes (uma média de 0,850 gramas por litro, o que totaliza 127,5 kg), o total chega a 223,5 l. Como um litro de óleo Lubrax, da Petrobras, o utilizado por todos os caminhões da Fórmula Truck, tem peso de 0,965 gramas, atinge-se o impressionante número de 197,945 kg somente desse tipo de lubrificante.

Como tudo é superlativo nos caminhões da Truck, o motor dos Mercedes-Benz precisa de 40 litros de água para a refrigeração. Para esfriar os freios, que normalmente superaquecem durante os treinos e as corridas, existem quatro reservatórios de água, cada um com 40 litros, totalizando 160 litros, que somados aos do radiador atingem 200 litros.

Como peso de um litro de água (segundo as normas técnicas, a 20 graus de temperatura) é 1 quilo, são mais 200 quilos no caminhão. Juntos, óleos e água, perfazem 397,945 kg, o equivalente a 8,28% do peso médio total de 4,8 toneladas do caminhão da dupla Salustiano/Cirino, da equipe ABF-Mercedes-Benz.

No final das corridas os brutos têm de pesar, no mínimo, 4.500 quilos. Somente os caminhões Ford, por serem menores, podem pesar 4,2 toneladas. Ambos, incluindo o piloto munidos de todo o seu equipamento individual de segurança.

Deixe uma resposta

Top