Você está aqui
Home > Fórmula 1 > F1: Briatore acredita que foi banido devido a tanto poder

F1: Briatore acredita que foi banido devido a tanto poder

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O ex-chefe da equipe Renault, Flavio Briatore, pivô de um dos momentos mais constrangedores na categoria (quando ordenou um acidente proposital envolvendo Nelsinho Piquet em Cingapura ‘2008’ para beneficiar Fernando Alonso), acredita que foi banido no esporte por ser “poderoso demais”.

“A FIA (Federação Internacional de Automobilismo) não estava feliz, a Renault era muito poderosa. Na época eu representava a equipe junto com o Luciano Benetton. Éramos poderosos”, afirmou o ex-dirigente em declaração ao ‘Arabian Business’.

“Hoje sinceramente não tenho mais saudades. Tenho saudades da antiga Fórmula 1. Hoje é videogame para os engenheiros. Esqueceram dos fãs, esqueceram do show. Não existe o glamour”, disparou Briatore.

“Quando você vê os engenheiros explicando uma embreagem, ninguém se importa mais. As pessoas se importam com o piloto. Hoje, para ser rápido, você precisa de um banco financiando. Se você toca a linha branca, é punido. Se você não tem o motor certo, é punido. É um negócio muito punitivo”, completou.

Deixe uma resposta

Top