Você está aqui
Home > Outras categorias > MB Challenge: Cristian e Max Mohr prontos para a quinta etapa em Goiânia

MB Challenge: Cristian e Max Mohr prontos para a quinta etapa em Goiânia

Foto: Luciano Santos
Foto: Luciano Santos

A quinta etapa do calendário do Mercedes-Benz Challenge acontece neste domingo (06), no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO) na pista de 3.835 metros que sediará, paralelamente, a Corrida do Milhão Stock Car, o Campeonato Brasileiro de Turismo e o Brasileiro de Marcas.

A corrida da competição de monomarca no Centro-Oeste com os pilotos da Rsports Racing, Cristian Mohr e Max Mohr, promete disputas acirradas na categoria CLA AMG Cup e na C250 Cup. A largada no domingo, dia 16 de agosto, será às 12h25, com transmissão do canal BandSports e, pela internet, no portal Terra.

O blumenauense estará a bordo do Mercedes CLA AMG 45 de número #3, pela equipe Rsports Racing. ” A expectativa é boa pois em três participações nossa na MB Challenge obtivemos um segundo lugar e uma vitória ano passado na C 250 e mais uma quarta colocação na minha estreia na CLA AMG este ano. Gosto muito do traçado goiano, também tem boas áreas de escape e pontos de ultrapassagens, por isso espero repetir os bons resultados”, declarou Cristian.

A maior pontuação é o objetivo de Cristian Mohr. “Ao meu ver o campeonato está em aberto apesar de o líder ter se distanciado um pouco, mas tem 100 pontos em jogo ainda até a ultima etapa, inclusive a ultima etapa a pontuação da vitória valerá dobrado. Estamos sempre buscando detalhes no acerto para nos tornarmos mais competitivos!”, comenta.

“Em Santa Cruz do Sul tivemos muitos problemas com um lote de pneu o que nos prejudicou muito, portanto vamos continuar focando no campeonato, precisamos reduzir a diferença de pontos para o líder portanto precisamos nos classificar bem a cada etapa esta é a meta”, acrescenta o catarinense.

O piloto Max Mohr, pai de Cristian, que compete na categoria C 250 Cup com o Mercedes #225 fará sua “reestreia” no autódromo goiano, a última vez que correu na pista foi em 1989 na Copa de Marcas e Pilotos. “Estou ansioso para voltar a correr”, diz Max. “O circuito de Goiânia é de alta velocidade o que é a minha preferência, além de ser muitíssimo segura”, completa o piloto que pontua também na classificação da C 250 Cup Master.

Deixe uma resposta

Top