Você está aqui
Home > Outras categorias > Seletiva de Kart Petrobras: Mineiro mostra força e disputa pelas três últimas vagas pega fogo

Seletiva de Kart Petrobras: Mineiro mostra força e disputa pelas três últimas vagas pega fogo

Foto: Nicola Pizarro
Foto: Nicola Pizarro

Fora da pista, o forte calor tem sido destaque na disputa da Copa do Brasil, no kartódromo RBC Racing, em Vespasiano (MG), mas dentro dela a briga também já começa a pegar fogo. Na categoria Graduados, além da luta pelo título da competição, três kartistas terão a chance de ser finalista da Seletiva de Kart Petrobras 2015, um dos principais eventos de apoio à modalidade no Brasil, que há 17 edições conta com o patrocínio da Petrobras e Petrobras Distribuidora.

Nesta sexta-feira (dia 15), foi realizada a tomada de tempos para a primeira das três baterias e a pole position ficou com o paulista Murilo della Coletta, que já tem sua vaga na final da Seletiva de Kart Petrobras 2015. O piloto conquistou seu lugar entre os 12 finalistas na etapa classificatória do Velopark (RS), realizada em julho. Com o tempo de 51s798, ele parte na pole na primeira bateria, que será disputada ainda hoje, a partir das 19h20.

Entre os pilotos que brigam pelas três últimas vagas na final da Seletiva 2015 (com idade entre 15 e 18 anos, que não tenham sido campeões em edições anteriores e que ainda não tenham conquistado a vaga este ano), o melhor foi o mineiro Paulo Victor. Natural de Belo Horizonte, o piloto está aproveitando o fato de correr em casa, em um das pistas que mais conhece, para buscar novamente uma vaga na final. Ele já disputou a decisão dois anos atrás e vai partir da sexta posição no grid na bateria inicial.

Outro ex-finalista que também está na briga é o paulista Vinícius Papareli, que vai largar em décimo. Gabriel Nascimento e Silva também começou bem e parte de 12º. Mesmo sem poder disputar a vaga, em virtude da idade, o mineiro Guilherme Silva também é um dos destaques. O experiente kartista, que já foi finalista da Seletiva em 2010, ficou dois anos na Europa correndo de Fórmula Renault, voltou ao Brasil e aproveitou a Copa do Brasil em casa para estar na disputa.

Os três classificados em Minas Gerais irão se juntar aos nove já finalistas: o gaúcho Bruno Bertoncello, o carioca Zaiya Fontana, os paulistas Gabriel Sereia, Gaetano di Mauro, Murilo della Coletta e Luiz Matheus, os goianos Luiz Branquinho e João Rosate e o paraibano Sérgio Crispim.

A bateria desta noite terá a disputa de 15 voltas, bem como a segunda prova, que acontecerá nesta sexta (16). No sábado (17), será realizada a grande final, a partir das 15h50, com 25 voltas. Os três melhores colocados na classificação final da Copa do Brasil serão os selecionados (dentro dos critérios da Seletiva).

Deixe uma resposta

Top