Você está aqui
Home > Stock Car > Stock Car: Júlio Campos defende liderança inédita no Sul

Stock Car: Júlio Campos defende liderança inédita no Sul

Foto: Miguel Costa Jr.
Foto: Miguel Costa Jr.

Novo líder do campeonato depois de quebrar um tabu de 50 corridas ao se tornar o primeiro paranaense a vencer em Curitiba no mês passado, Júlio Campos é o “homem a ser batido” neste fim de semana em Santa Cruz do Sul. O piloto da Equipe Prati-Donaduzzi chega ao interior gaúcho com 87 pontos e a diferença mínima sobre o segundo colocado Cacá Bueno (Red Bull), sabendo que não será fácil continuar na ponta da tabela após a quinta etapa.

“Se manter na frente é tão difícil quanto chegar lá. Mas vamos seguir com nosso planejamento, que vem dando certo desde o início do ano, e tentar continuar em primeiro”, afirmou o curitibano.

É a primeira vez que Campos lidera a Stock Car desde a estreia em 2006. A vitória na capital paranaense foi a segunda – ganhou no ano passado em Tarumã, onde o parceiro Antonio Pìzzonia ajudou a Prati-Donaduzzi a conquistar a única dobradinha na categoria desde a implantação do sistema de rodadas duplas em 2014.

Campos, no entanto, insiste em minimizar o resultado em nome de um objetivo maior. “Vencer é sempre duro na Stock Car e tem de ser valorizado. Mas estamos correndo pelos títulos de piloto e equipes. Por isso, o mais importante é sempre somar o maior número de pontos possível. Temos trabalhado dessa forma e vem dando. À exceção da prova simples da abertura do calendário, fui o primeiro ou o segundo que mais pontuou nas corridas duplas”, lembrou.

Campos ainda se recupera de uma cirurgia na boca a que foi submetido um dia depois de ganhar em Curitiba. Desde então, chegou a perder sete quilos, dos quais já recuperou quatro, e continua tomando antibióticos para combater uma possível infecção. “Ainda não estou 100% fisicamente, mas estou me sentindo melhor a cada dia e não terei problemas para correr em Santa Cruz”, completou.

Deixe uma resposta

Top