Você está aqui
Home > Destaques > Stock Car: A. Pizzonia estuda mudança para WEC ou FE

Stock Car: A. Pizzonia estuda mudança para WEC ou FE

Foto: Vanderley Soares
Foto: Vanderley Soares

Sem garantia de permanência na Stock Car, depois que seu atual patrocinador anunciou a saída da categoria ao final do ano, o amazonense Antonio Pizzonia já começa a pensar em seu futuro nas pistas. De acordo com o piloto, o WEC – Campeonato Mundial de Endurance – e a Fórmula E são as alternativas mais viáveis.

“Tenho bons contatos nas duas séries”, disse nesta sexta no Autódromo de Tarumã, palco de sua segunda vitória há exatamente um ano. A Stock Car não está descartada, mas Pizzonia é realista. “Não existe vaga em equipes com patrocínio”, lembra.

Ele correu na classe LMP2 pela Delta-ADR e acredita que uma volta às competições de resistência seria uma possibilidade. Os carros elétricos da Fórmula E, no entanto, representam uma aposta numa série com futuro aparentemente mais sólido. “A FIA está bastante interessada no desenvolvimento da FE pelo seu conceito de sustentabilidade”, observa. “É a categoria que mais deve crescer”, acrescenta.

Sem empresário, Pizzonia deve cuidar pessoalmente dos contatos. Na Fórmula E, o caminho natural seria uma aproximação com o italiano Jarno Trulli. “Temos uma boa relação. Pena que a temporada já tenha começado, mas no fim do campeonato sempre existe a chance de alguma porta se abrir.” O calendário das FE será movimentado com o e.Prix de Putrajaya e será concluído em julho no circuito de rua de Battersea Park, em Londres.

Afastado da disputa do título, Pizzonia conta com dois bons resultados no final de semana na veloz pista de Tarumã e no fechamento do campeonato dia 13 de dezembro em São Paulo para se despedir da Prati-Donaduzzi depois de dois anos de contrato. A volta ao circuito é um alento para a organização comandada pelo uruguaio Juan Carlos “Mico” Lopez, já que em 2014 a equipe ganhou as duas etapas e se tornou a primeira a dominar uma rodada dupla desde a implantação do sistema de rodadas duplas.

Deixe uma resposta

Top